top of page

Psicoterapia Online: Como funciona?

Atualizado: 14 de fev. de 2023



O atendimento on-line é uma modalidade de atendimento autorizado pelo Conselho Federal de Psicologia, desde 2018. Entendendo assim que esta forma, dentro de parâmetros adequados, possibilita igualmente ao presencial, processos terapêuticos com grande resultado e expressão.

Apesar da possibilidade de se atender via on-line desde 2018, este modo só veio se fortalecer de forma mais efetiva durante a pandemia. Antes disso, a forma tradicional presencial era e ainda é a mais procurada e aderida, e a on-line sempre se restringia a questões pontuais como disponibilidade e até mesmo localidade do paciente (ex: morar em outro país).

Pois bem, 2020 a pandemia se alastrou mundialmente, e dada às medidas emergências de reclusão domiciliar, o conselho representante da categoria avaliou as possibilidades, as demandas, buscando assim soluções efetivas e adequadas para ação, bem como a análise do surgimento de novas e altas demandas, decorrentes do evento em questão. Favorecendo assim os processos terapêuticos já em andamento, sem necessidade de interrupção e o atendimento de novos casos.

Após esta breve contextualização, vamos entender melhor o que seria esse atendimento conhecido como psicoterapia on-line.


As plataformas e apps de inúmeros nichos vêm surgindo fortemente desde a propagação da tecnologia no auxílio e nas facilidades do nosso dia-a-dia. Com a psicoterapia não foi diferente. Na internet você não só encontra os profissionais disponíveis a atendê-lo, como já dispomos de plataformas especializadas nisso. Nós da Psicóloga Popular somos deste nicho e oferecemos uma gama de psicólogos prontos para atendimento.


A psicoterapia on-line, hoje bem estabelecida e em constante aprimoramento, traz comodidade, facilidade, acesso e humanização de modo amplo ao paciente. Hoje conseguimos identificar demandas das mais variadas e que são contempladas pelo on-line. Pessoas que com dificuldade de locomoção, pessoas com problemas de enfretamento de ambiente social, pessoas com falta de tempo em horários específicos, pessoas que se mudam, viajam e se localizam em lugares sem grande oferta de profissionais. São várias as motivações que fazem do on-line uma opção.


É importante ressaltar que nem todas as demandas podem ser atendidas, como urgências e emergências com cunho de risco, sendo de responsabilidade do profissional avaliar e indicar, quando necessário, a psicoterapia presencial. Outra ressalva é que menores de idade precisam da autorização do responsável para se realizar o atendimento. Quanto aos testes psicológicos, já há testes que podem ser aplicados no on-line.


Mas o que será que o psicólogo precisa para atender on-line?

Quais as condições da psicoterapia on-line?

Onde procurar este profissional?


Bom, primeiramente, além ser inscrito no CRP, este psicólogo tem que ser cadastrado pelo e-psi, canal específico do Conselho Federal de Psicologia para esta autorização. Tanto o CRP, quanto o cadastro e-psi você paciente pode acessar e pesquisar a regularidade do profissional digitando o número de CRP dele, que sempre se apresenta em seus meios de divulgação (cartão de visita, rede sociais, sites).


Para realizar a psicoterapia on-line o paciente precisa dispôr de aparelho com acesso a internet, ambiente confortável e isolado para manter a privacidade da sessão e não ser interrompido, e, preferencialmente, o uso de fones ouvido.


A procura por atendimento on-line por ser realizado diretamente com profissionais que se colocam nesta modalidade de atendimento ou via pesquisa de sites, plataformas e apps do nicho.


Vale lembrar que o on-line pode se enquadrar de várias formas, como E-mail, SMS, mensagens instantâneas, áudios, ligações e o mais utilizado que é a vídeo chamada.


Muito obrigado por nos acompanhar até aqui. Espero que este artigo tenha te ajudado.


Somos uma plataforma de atendimento on-line e presencial com profissionais em várias localidades do Brasil. Continue nos acompanhando para a psicoterapia se permitir.

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page